Residência

Residir em Eininji é um desafio. É propor-se a sair da zona de conforto do ego e a experimentar o sabor do treinamento Zen: zazen duas vezes por dia; três horas contínuas diárias de samu (zazen trabalhando); desempenhar funções ritualísticas;   estudo. É cultivar o silêncio, usando a fala funcional e abrindo mão de falas e perguntas irrelevantes e de explicações e auto-justificativas desnecessárias. Aqui treinamos pessoas que querem corporificar o Darma sendo bodisatvas, portanto esperamos que você esteja preparado para esse treinamento e não busque Eininji como asilo, fuga ou terapia.

Tem um período de prática pessoal livre de sábado às 14h até segunda-feira às 14h. Pode ter quinze dias de férias por semestre. Fora de seus horários de prática, pode se dedicar a trabalhos externos. Tem direito a moradia e a três refeições ovo-lacto-vegetarianas por dia.

O residente participa das atividades didáticas em Eininji (com a oportunidade de receber certificados ao final de cursos), tem acesso a entrevistas com o professor-orientador e participa obrigatoriamente de retiros urbanos e em locais fora do Rio. 

Regras para residentes.